Dever de Casa

Junho 14, 2008

É impressionante que eu tenha passado quase 3 meses sem escrever por aqui.

Deixei este blog às baratas e, acreditem, nesse período muitas coisas aconteceram por aqui do lado de fora.

Fui praticamente obrigada a voltar por causa do “dever de casa” que a Kiara me impôs 2 vezes. Sim, eu tive a cara-de-pau de não fazer o dever de casa pela primeira vez e ela, simplesmente, mandou o dever de casa de novo, como uma espécie de punição pela mal-criação.

Confesso que a tarefa me assustou a princípio. Como assim, definir as 08 coisas que quero fazer antes de morrer??? São tantas coisas, tantos clichês, tantos projetos e tantas coisas bizarras…

Mas vamos lá. Ao trabalho, então! Porque eu já deveria ter aprendido que adiar tarefas, não faz com que elas deixem de existir, como num passe de mágica!

E os comandos são:
1 – A pessoa selecionada, deve fazer uma lista, com oito coisas que gostaria de fazer antes de morrer.

2 – É necessário que se faça uma postagem relacionando estas oito coisas, não importando o que seja, é necessário que a pessoa explique as regras do jogo.

3 – Ao finalizar, devemos convidar oito parceiros de blogs.

4 – E finalmente, deixar se possível um comentário para que nos convidou, e informar o convidado.

Bom… Acho extremamente difícil relacionar isso. Com certeza quero fazer muito mais de 8 coisas antes de morrer, mas vou tentar relacionar as 8 coisas mais importantes, tentando passar por cima de coisas prosaicas, como trocar de carro, comprar apartamento, e demais coisas materiais. Vamos lá!

1) Ser Oncologista Clínica. Espero que este desejo (ou objetivo) seja realizado não apenas antes de eu morrer, mas, se possível dentro de no máximo, uns 5 anos.

2) Conseguir me entregar a sentimentos mais piegas e ser capaz de me envolver num relacionamento estável porém com aventuras e conseguir ser feliz dividindo uma mesma área física, também conhecida como casa/ apartamento/ quarto, além de dividir sonhos, frustrações, doenças, alegrias e tristezas. Em resumo: sim, eu falei sobre ser feliz numa união estável, também conhecida como casamento.

3) Ter um filho. Até hoje nunca me vi como uma mãe em potencial, mas tenho certeza de que isso se tornará uma constante na minha vida daqui a um tempo. Um amigo muito querido me disse dias atrás que gostaria muito de ter um filho, devido ao brilho no olhar que os pais têm.

4) Conhecer a Europa mochilando, de preferência com Thais e Vanessa. Tenhgo certeza de que quando estiver lá, serei extremamente feliz porque espero por esta viagem desde os meus 15  (longínquos) anos.

5) Cuidar de muitas pessoas e poder exercer a Medicina em sua plenitude, aprendendo todos os dias, tanto com meus acertos quanto com meus erros. Curar, poucas vezes; tratar, algumas vezes; confortar, sempre.

6) Aprender a ser mais paciente, menos intrasigente, menos ansiosa e a me conhecer melhor pra ser sempre uma pessoa melhor.

7) Emagrecer de verdade e conseguir que minha auto-estima esteja sempre elevada. Não necessariamente nesta ordem. Encarar um mini biquini sem nenhuma gordurinha a mais é, sem dúvida, um objetivo a ser alcançado.

8) Ser feliz mesmo com as adversidades e agradecer todos os dias por isso.

 

Acho q é isso. No próximo post, deixarei os nomes do 8 blogueiros “escolhidos”.

 

Baci!